PROFESSOR

PAULO CESAR

PORTAL DE ESTUDOS EM QUÍMICA
 

DICAS PARA O SUCESSO NO VESTIBULAR: AULA ASSISTIDA É AULA ESTUDADA - MANTER O EQUILÍBRIO EMOCIONAL E O CONDICIONAMENTO FÍSICO - FIXAR O APRENDIZADO TEÓRICO ATRAVÉS DA RESOLUÇÃO DE EXERCÍCIOS.

Home
Bico de Bunsen
Teor de Álcool na Gasolina
Segurança no Laboratório
Potenciais Redox
Eletrólise
Equação de Arrhenius
Propriedades Coligativas
Titulação do Amoníaco
Reações Químicas
Titulação do vinagre
Preparo de NaOH
Cinética Química
Reatividade de Metais
Lei de Graham
Equipamentos de Laboratório
Relatório

 

UTILIZAÇÃO DO BICO DE BUNSEN

horizontal rule

    INTRODUÇÃO
 

    BICO DE BÜNSEN                                                                                                                      

    É utilizado no laboratório como fonte de calor para diversas finalidades, como: Aquecimento de soluções, estiramento e preparo de peças de vidro entre outros. Possui como combustível normalmente G.L.P (butano e propano) e como comburente oxigênio do ar  atmosférico que em proporção otimizada permite obter uma chama de alto poder energético.

    FENÔMENO DE EMISSÃO

Acontecem a nível atômico ou molecular pela excitação de um ou mais elétrons que absorvem energia térmica no presente caso, passando a um estado excitado obedecendo sempre os limites de transição permitidos dentro da eletrosfera em seu sub-nível. A desexcitação desse elétron ou elétrons acontece de maneira muito rápida com a conseqüente emissão de  fótons  com comprimento de onda específico para o átomo em questão.


Fenômeno de emissão do Lítio.


Fenômeno de emissão do potássio.


Fenômeno de emissão do Sódio.

horizontal rule

    MATERIAL UTILIZADO
 

-    Bico de Bünsen.
-    Tela de Amianto.
-    Tripé.
-    Alça de Platina.
-    Corpos de prova de Alumínio, Cobre e Ferro.
-    Soluções de Cloretos de Sódio, Potássio e Lítio 1 M.
-    Tenaz ou pinça.

 

    PROCEDIMENTO

1 -    Abrir o gás, acender o bico e abrir gradativamente a janela de entrada de ar.

2 -    Levar um corpo de prova de alumínio à diversas regiões da chama. Anotar o que acontece.

3 -    Repetir o último item para o cobre e o ferro.

4 -    Consultar o Handbook e anotar os P.F. dos três elementos.

5 -    Estimar com base nestes dados a temperatura da chama.

6 -    VERIFICAR O FENÔMENO DE EMISSÃO  DAS RAIAS DE Na, Li e K.

7 -    Na solução de Cloreto de Sódio, passar a alça  e levar à chama. Anotar o que ocorre.


Montagem do experimento, fenômeno de emissão do Sódio.

8 -    Repetir esse procedimento para os outros dois sais, tomando o cuidado de lavar a alça quando mudar de substância.


Montagem do experimento, fenômeno de emissão do Lítio.


Montagem do experimento, fenômeno de emissão do Potássio.

 

 

 

    REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA

RUSSEL, J. B.; " Química Geral." 2ª  ed, Makron Books, S.P. 1994. 

OHLWEILER, O. A.; " Química Analítica Quantitativa " 3ª ed, Livros Técnicos
e Científicos Editora, S.P.  1987

 

Home | Bico de Bunsen | Teor de Álcool na Gasolina | Segurança no Laboratório | Potenciais Redox | Eletrólise | Equação de Arrhenius | Propriedades Coligativas | Titulação do Amoníaco | Reações Químicas | Titulação do vinagre | Preparo de NaOH | Cinética Química | Reatividade de Metais | Lei de Graham | Equipamentos de Laboratório | Relatório

Este site foi atualizado em 19/01/11